Browsing Tag

equilíbrio

Artigos, Dicas, Saúde Integrativa

8 dicas para restaurar seu equilíbrio com uma detox

Acordar se sentindo leve e renovada é o resultado que se pode ter depois de uma detox. Depois que eu compartilhei o meu dia de detox com líquidos nesse post, muitas pessoas ficaram interessadas em fazer também, então hoje irei dividir com vocês informações que eu acho importante saber antes de começar.

Ingerir tantos alimentos naturais em verdadeiros coquetéis de vitaminas, minerais e fitonutrientes, oferece ao seu corpo uma oportunidade de limpar e eliminar aquilo que não está te fazendo bem. Como benefícios, você pode experimentar aumento nos níveis de energia, pele radiante, cabelos e unhas fortes, fortalecimento do sistema imune, absorção fácil e rápida de nutrientes, além de promover um descanso para o seu sistema digestivo, diminuir retenção de líquidos e eliminar aquele peso extra.

Aqui seguem algumas dicas que tem sido úteis para mim quando faço uma detox:

1- Prepare-se:  pelo menos 3 dias antes de começar, adote uma alimentação sem alimentos industrializados, refrigerantes, frituras e açúcar. É importante essa preparação para o seu corpo não levar um choque e a falta dessas substâncias causarem reações mais intensas, como dores de cabeça, náusea ou tonturas (o que pode acontecer de forma leve pelo aumento de toxinas liberadas no sangue).

2 -Use alimentos orgânicos o máximo possível – você não quer agrotóxicos e pesticidas como ingrediente principal na sua detox, certo?

3 -Use superalimentos como chia, linhaça, maca e clorofila do trigo: eles garantem que você obtenha altas quantidades de nutrientes a partir de apenas um alimento. A chia, por exemplo, que contém aproximadamente 20% de proteínas de alto valor biológico,  é rica em omega 3 e fibras que vão ajudar a limpar as toxinas do seu sistema digestivo e fornecer energia de qualidade.

4 – Beba muito líquido durante todo o dia, como água, água de coco e chás: o seu corpo precisa de água para eliminar as toxinas que estão sendo liberadas na corrente sanguínea durante a detox, de forma que se houver pouca ingestão de H2O essas toxinas irão continuar no seu organismo causando danos. Você pode começar o dia com uma xícara de água morna com limão espremido para despertar seu sistema digestivo. Alguns chás, como o chá verde, hibisco e  gengibre, são as minhas opções preferidas e tem altas propriedades antioxidantes que ajudam a potencializar a detox.

5 – Prepare-se mentalmente: durante esse dia, você estará fazendo algo a que você não está acostumad@, por isso, é normal querer desistir na metade do dia, ou ter vontades irresistíveis de comer todos os tipos de comida – é comum começar a lembrar de comidas bem “pé na jaca” como macarronada, sanduíche, brigadeiro na panela – não desista! Mantenha o seu compromisso com você e seja firme.

6 – Pratique uma atividade física leve a moderada: uma caminhada ou yoga são algumas alternativas que combinam muito bem com uma desintoxicação pois ativam a circulação sanguínea potencializando o processo de desintoxicação, além de relaxar e lhe fazer sentir bem.

7 – Durma cedo: a noite, pelo menos para mim, é o período mais difícil do dia. Quando o corpo começa a ficar cansado e com sono, é normal mandar sinais de fome para tentar obter mais energia. Então, a dica de ouro é ir dormir cedo para escapar das tentações. Enquanto você estiver dormindo, o seu corpo assumirá o controle da detox, por isso é importante dormir de 7 a 8 horas no mínimo. No dia seguinte, você irá notar que as olheiras também diminuíram.

8 – Tenha em mente que isso não durará para sempre: as pessoas não foram feitas para viver apenas de sucos. Tomar sucos por um dia é uma ótima forma  de adicionar nutrientes e minerais extras a sua dieta, mas seu sistema digestivo foi feito para trabalhar. Um descanso uma vez ou outra é importante, mas assim como a mente precisa se manter ativa para sustentar um alto nível de desempenho, o mesmo acontece para outros processos, como a digestão.

Espero que esse post tenha sido útil! Lembre-se de que é muito importante conhecer o seu corpo, saber seus limites e respeitá-los. O objetivo é se sentir bem! Se for um desconforto muito grande para você ingerir apenas líquidos durante um dia, tudo bem. Não deixe de tentar!

Quem sabe na próxima vez você estará mais preparada?

Gostou? Compartilhe!

Dicas, Receitas, Saúde Integrativa

Desintoxicando após o feriado

Ontem foi a minha primeira detox do ano, e eu passei o dia todo tomando apenas líquidos -sucos desintoxicantes, água e chás. Eu estava sentindo que meu corpo estava precisando de um tempo para se equilibrar já que nos últimos dias eu saí da minha rotina alimentar e quase não pratiquei yoga na ultima semana.

No ano passado eu fazia essa detox com líquidos uma vez por semana, às segundas feiras, e estou me planejando para voltar a fazer a partir de agora. Eu me sinto muito melhor no outro dia – mais leve, sem inchaços, o intestino funcionando melhor, com a pele mais limpa e com mais energia – então o esforço realmente vale a pena.

O mais incrível em fazer um jejum de suco – ou em inglês, popularmente chamado de Juicing – é que eu posso observar que a maior parte das vezes que eu tenho vontade de comer alguma coisa,  primeiro me pergunto se realmente é fome que estou sentindo, e poucas vezes a reposta é assim. Em geral, acabo buscando comida por ansiedade, por descontrole, ou até mesmo por confundir fome com sede. Então essa é uma ótima forma de aprender a escutar e conhecer o seu corpo.

Nesse documentário, você vai descobrir como o Juicing, ou jejum de sucos, mudou a vida de várias pessoas!

Abaixo, seguem as receitas de todos os sucos que eu tomei ontem. Elas podem servir de base e inspiração e você pode adaptar com os ingredientes que tiver em casa. Use a sua criatividade! Leia mais informações sobre como fazer seu suco detox nesse post guia completo do suco verde.

Receitas:

dramarcellauliana.saude.integrativa-berrie-detox

Berrie detox

2 talos de salsão

1/2 xícara de morangos (eu usei congelados)

1/2 xícara de mirtilos

um punhado de cerejas frescas sem caroço (opcional)

2 cenouras

suco de uma laranja

1 xícara de água de coco

1 colher de sopa de chia

1 colher de chá de clorofila do trigo

1 colher de sopa de romã em pó

 

dramarcellauliana-saude-integrativa-suco-detox-manga-espinafre-castanha-caju

Suco de manga, espinafre e castanha de caju

1 manga sem o caroço

2 bananas

1 xícara de espinafre

1 xícara de água

½ xícara de castanha de caju

1 colher de sopa de chia

1 colher de chá de maca peruana

suco de 1 limão

 

Suco de abacaxi, hortelã e  gengibredramarcellauliana-saude-integrativa-suco-detox-abacaxi-hortela-gengibre

2 rodelas de abacaxi

1/2 xícara de hortelã fresca

2 folhas de couve sem o talo

1 xícara de pepino cortado em fatias

1 pedaço de gengibre (aproximadamente 1,5 cm)

1 xícara de água de coco

1 colher de sopa de linhaça

1 colher de chá de clorofila do trigo

suco de 1/2 limão

 

Suco de pera, maçã e couvedramarcellauliana-saude-integrativa-suco-detox-maca-pera-hortela

1 pera

1 maçã

2 folhas de couve

2 talos de salsão ou aipo

suco de 1/2 limão

1 colher de sopa de chia

1 colher de chá de óleo de coco

 

Espero que essas receitas ajudem a deixar o seu dia mais saudável! É simples, você pode começar tomando um suco por dia e estará ótimo, pois irá sentir muita diferença. Depois, vá aumentando a medida que você se sentir mais confortável e com segurança para fazer uma detox completa.

Amanhã eu vou postar as minhas dicas preferidas para quem está pensando em fazer uma detox, então não deixe de acompanhar!

Se você acha que está precisando fazer uma detox, restaurar o equilíbrio do seu corpo, ou está em busca de auto-conhecimento, envie um email para saber como o meu programa de coaching em saúde integrativa pode ajudar!

Gostou? Compartilhe!

 

Artigos

O que nossos ancestrais comiam na idade das cavernas?

Como prometido no último post, hoje o tema é a Dieta do Paleolítico, também conhecida como dieta Paleo ou Primal, que é baseada na crença de que nossos ancestrais das cavernas tinham uma alimentação que resultou em uma ótima saúde. Isso inclui carnes, peixes, legumes, frutas silvestres, ovos, nozes, e muito mais.

O objetivo da abordagem Paleo é consumir alimentos que os homens das cavernas consumiam há milhões de anos atrás, antes do cultivo de grãos e legumes e bem antes da invenção de alimentos embalados e processados. De acordo com os defensores da dieta, se é algo que um homem das cavernas não comeria, as pessoas modernas também não deveriam comer.

Alguns seguidores desta abordagem escolhem enfatizar vegetais e minimizar a carne; no entanto, todos os seguidores paleolíticos dão ênfase a carnes orgânicas e animais alimentados com pasto. Embora presentes, frutas são limitadas, uma vez que a freqüência com que eram encontradas nesse período é considerada baixa se comparada a atualmente.

Também é fortemente recomendado exercício vigoroso, como o cross-fit, além de ser encorajado que as pessoas que estão seguindo a dieta só comam quando tenham realmente fome e que garantam boa quantidade de exposição ao sol diariamente para obter vitamina D.

Infelizmente aqui no Brasil carnes orgânicas são muito caras e não estão acessíveis a todos e, com a vida atarefada que levamos, não temos tempo para ficar expostos ao sol por várias horas todos os dias.

A mensagem principal é: sempre tenha em mente que não há uma dieta ideal para todos. Temos que encontrar quais alimentos nos fazem bem como indivíduos únicos no mundo. Alguns podem se beneficiar muito com a dieta paleolítica, e outros, com uma dieta vegana. Eu tenho me dado muito bem com uma alimentação predominantemente vegana e yoga.

O que está dando certo para você? Você conseguiria seguir a Paleolítica?

Se você ficou curios@ para saber mais sobre a Paleo ou tiver qualquer outra dúvida, por favor não hesite em comentar abaixo ou envie um email.