Dicas

5 passos para melhorar a alimentação da sua família

Em minha última sessão com um grupo de 5 mães que estão transformando sua saúde e de sua família nós tivemos uma ótima conversa sobre o açúcar e poucas estavam a par dos verdadeiros malefícios que o açúcar pode causar na saúde de seus filhos e de sua família. Mesmo o açúcar mascavo ou demerara são opções perigosas e devem ser usadas com cautela.

As recomendações da OMS se baseiam em evidências que mostram que a quantidade de açúcar ingerido está atrelada ao ganho de peso em adultos. Além disso, apontam que as crianças que mais consomem bebidas açucaradas, como os refrigerantes, tem mais chances de se tornarem obesas do que as que apresentam um baixo consumo dessas bebidas. A agência da ONU lembra que a grande parte do açúcar consumido atualmente está “escondido” em alimentos processados que não necessariamente são muito doces, como o ketchup.¹

O que é mais alarmante sobre a ingestão diária de açúcar pelas crianças? Atualmente, elas consomem em média três vezes a quantidade de açúcar por dia do que as crianças consumiam há 30 anos. Além disso, os efeitos secundários conhecidos de excesso de açúcar são bastante surpreendentes: o açúcar suprime o sistema imunológico; é uma causa direta de diabetes tipo 2; ele cria uma resposta viciante que prejudica a concentração, as habilidades cognitivas e a atenção, além de ser um protagonista no desenvolvimento de obesidade infantil.

Quais os alimentos e lanches comuns que podem ter açúcar escondido e que os pais podem não estar cientes?

Infelizmente, há mais produtos do que podemos contar. É possível que você tenha frustração quando começar a ler rótulos, mas fazer isso é a melhor defesa para evitar o açúcar em excesso. Alguns dos agressores mais comuns: ketchup, refrigerantes, pães, creme de avelãs, molhos para saladas, biscoitos recheados, granola, iogurte, molho de tomate e sucos de caixinha. Muitas empresas estão começando a reconhecer que os consumidores estão procurando opções sem açúcar adicionado, então isso não significa que todos esses alimentos precisam, necessariamente, ser evitados. Há uma abundância de molhos para saladas, cereais e iogurtes que são perfeitamente saudáveis. A chave é se tornar umx detetive e ler as listas de ingredientes.

Mudar a alimentação pode ser difícil, então aqui estão 5 passos fáceis que você e sua família podem tomar para melhorar sua nutrição e reduzir a ingestão de açúcar:

1- Comprar menos lanches pré-embalados em sua próxima viagem ao supermercado. Diga adeus aos lanches processados e embalados e olá para alimentos integrais. Frutas e legumes com pastinhas como hummus e pesto são ótimas alternativas de lanches saudáveis para começar. Você também pode optar por algo mais doce, como esses brownies de batata-doce, que é um lanche delicioso e nutritivo.

2- Reduzir o consumo de sucos em caixas e bebidas esportivas. Substituir por água. Sucos comerciais são uma grande fonte de açúcar, e a maioria das crianças provavelmente não está tomando água o suficiente. Se você estiver tendo dificuldade em faze-los beber bastante água, lembre-se que há um monte de coisas que podem ajudar a incrementar o sabor. Adicionar limão, frutas vermelhas, melancia, pepino, ou um pouco de suco para adoçar levemente. Proporcionar a doçura natural é sempre uma alternativa melhor do que os sucos de prateleira. Experimente opções de sucos feitos em casa, com ingredientes naturais e sem adição de açúcar como esse smoothie de frutas vermelhas.

3- Envolver as crianças na escolha das refeições com opções de receitas saudáveis. Se elas sentirem uma conexão com o que estão comendo, estarão mais propensas a esquecer de comer cereais ou doces três vezes por dia. Você pode começar devagar, com um jantar durante a semana, ou planejar uma sobremesa para fazer no fim de semana, como esse sorvete tropical de coco manga e chia. É doce, colorido e super fácil de fazer.

4- Faça as compras de supermercado com as crianças e uma lista de compras saudável na mão. Dar-lhes a escolha do que vai parar no seu prato e em suas lancheiras ajuda a envolvê-los. E durante esse processo é claro que você pode incentivá-los a escolher alimentos nutritivos e lanches, e evitar o corredor de doces.

5- Peça ajuda na cozinha. Se você começar enquanto pequenos isso será uma brincadeira, e se os seus filhos forem mais velhos deixe que saibam o quanto você agradece pela sua ajuda. Deixe-os lavar as folhas da salada, misturar os ingredientes, enfeitar os pratos.

Quanto açúcar está entrando em sua casa?

Espero que esse post tenha lhe ajudado a poder fazer escolhas melhores e mais saudáveis para você e sua família.

Gostou? Compartilhe!

1-http://nacoesunidas.org/com-novas-evidencias-oms-corta-pela-metade-consumo-ideal-de-acucar/

Previous Post Next Post

You Might Also Like

2 Comentários

  • Reply Estela 04/05/2015 at 14:34

    Bom dia! À alimentação da minha família esta muito ruim e tenho percebido que meus filhos só querem comer pão e biscoitos (não compro recheado mas mesmo assim, né?) e isso tem me incomodado bastante. Adorei o post e vou seguir suas dicas. Vai ser difícil pois a rotina industrializada já está instalada, mas vou tentar. Obrigada!

    • Reply dramarcella 04/05/2015 at 16:38

      Olá Estela!

      Que bom que você gostou das dicas!

      Eu sei bem o que você está passando, a rotina industrializada é mais fácil e mais rápida, porém tem um custo alto para nossa saúde! O mais difícil é o primeiro passo que é perceber o que está acontecendo e tomar uma atitude em relação a isso, algo que você já fez! Parabéns, tenho certeza de que você vai conseguir!

      Boa sorte!

    Enviar comentário